^6E5377ECD5F4C0442A1343E177936A6396315F1B0CDAF5C507^pimgpsh Fullsize Distr

Você cobra vendas da sua equipe de marketing?

Como começar esse texto de maneira simples e direta? Já sei: cobrar mais vendas do departamento de marketing está errado. Ufa! Pronto, falei. Abaixo eu pontuei algumas situações em que a responsabilidade de vender mais caiu sobre os ombros única e exclusivamente do marketing e tentei explicar o porquê disso estar errado. Quase como um jogo dos erros, confira:

1- “Aumentar a produção de conteúdo vai aumentar as minhas vendas”

Um texto publicado no blog ou três posts nas redes sociais da sua empresa por semana já pode ser mais do que suficiente na estratégia de marketing. Dobrar ou triplicar essa produção não significa que as vendas irão aumentar e sabe por quê? Porque uma coisa não necessariamente está atrelada à outra. 

Marketing não é uma ciência exata. Estamos lidando com pessoas, lembra?

O departamento de marketing vai trabalhar a imagem para que sua marca seja reconhecida no mercado, os conteúdos agregarão valor à sua imagem, o inbound aproximará a relação com seus possíveis clientes. Porém, para chegar ao objetivo e concretizar a venda, será preciso um departamento de vendas extremamente competente.

Fazendo uma analogia com o vôlei, o marketing faz o papel do levantador. Se você não tem um bom ponteiro (Giba) ou oposto (Dante) para cravar a bola na quadra adversária, não adianta nada ter o melhor levantador do mundo.

2- “Quanto mais eu investir, melhor será o meu resultado”

Vou contar um segredo: no marketing digital, não se destaca quem investe mais. Se destaca, quem investe melhor. Mais do que colocar dinheiro, é preciso planejar, definir a estratégia correta, falar com as pessoas certas. E não dá para planejar escutando só o ponto de vista ou de vendas ou de marketing, é preciso juntar as percepções. Se conseguir, traga outras áreas para essa conversa, como gerência de produto, financeiro, atendimento ao cliente, já que há sempre uma percepção diferente da experiência do cliente através de cada uma delas. Não dá para perder dinheiro, tem que ser assertivo.

De que adianta comprar 100 mil seguidores, se sua mensagem não chega a 1.000. E desses 1.000, nem 50 engajam com o que você diz?

Invista sim, mas da maneira correta. Invista em profissionais capacitados, em campanhas eficientes e em bons vendedores. Cobre cada profissional dentro de sua capacidade e suas demandas. O fechamento das vendas deve ser exigido da equipe de vendas. O marketing deve ser responsável pela qualidade das informações e geração de leads que farão a equipe de vendas trabalhar melhor. E às duas equipes, trabalhando em conjunto, cabe a nutrição dos leads que estão na pipeline. Como dizia Albert Einstein:

“Se você julgar um peixe por sua capacidade de subir em uma árvore, você vai gastar toda a vida acreditando que é estúpido”.

3- “Ainda não vendemos nada? Só pode estar tudo errado”

Paciência, jovem padawan”, seria a primeira resposta do Mestre Yoda para a frase acima.

Como tudo que é sólido e perene, construir uma boa imagem na internet é uma tarefa que leva tempo. Lembre-se: tudo que vem rápido, vai rápido. E nas estratégias de marketing digital isso se aplica totalmente. Campanhas em redes sociais, blog e ferramentas de buscas podem levar meses para se firmar. Mas depois de confirmadas, fica muito difícil de perder seu espaço nesses canais, viu?

Mesmo assim, exigindo tempo, não custa nada ficar de olho. Por menor que seja a evolução, peça sempre para sua equipe de marketing mostrar os números e os resultados do trabalho que vem sendo desenvolvido. Isso sim, dá para cobrar! 🙂

4- “Não vendeu? Então, muda!”

Não é porque a campanha AINDA não gerou vendas que é preciso mudá-la. Deixe que as pessoas recebam a informação e digiram antes de pensar numa nova estratégia. Não dá para cobrar um aumento de 20, 30, 40 ou 50% no aumento das vendas logo no primeiro mês de trabalho do departamento de marketing. Como dissemos acima, a concretização leva tempo.

Uma boa dica é pedir para o marketing manter a equipe de vendas atualizada em relação a toda e qualquer evolução nos números e informações sobre como melhorar as vendas tornando-as mais assertivas, por exemplo.

Resumindo…

Marketing sem vendas não funciona, assim como o contrário também não. Juntos, eles podem fazer coisas impressionantes pela sua empresa. Então, já sabe: invista nesse casamento. As consequências serão bastante positivas.

Gostou do texto? Deixe sua opinião nos comentários e vamos conversar. Com certeza tem muitos assuntos para destrincharmos aqui, não é? 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *