Se o assunto é Marketing Digital, fuja das fórmulas mágicas do sucesso

ambiente-digital-formulas-para-sucesso

Por Cristovão Wanderley

Você já deve ter ouvido a história do cara que abriu um canal no Youtube e ficou rico da noite para o dia. Ou até do Influencer que bateu recordes de leitura e interação no seu artigo do LinkedIn. Esse conceito de overight sucess ou “muito retorno para pouco trabalho” tem crescido cada vez no ambiente digital há algum tempo.

O que eu pretendo deixar claro nesse artigo é uma coisa que aprendi há muito tempo: “A grama do vizinho não é tão verde quanto parece”

Afinal, de onde vem o sucesso?

Sucesso no ambiente digital requer estratégia, planejamento e muito trabalho. Quem está no mercado deve conhecer a real capacidade do digital em gerar receita, mas como essa regra não se aplica a todos os casos, optei por trazer algumas dicas neste artigo. Acompanhe:

  • Definir uma estratégia, personalizada para o seu problema, e fazer uma gestão cuidadosa e próxima dessas plataformas

Em primeiro lugar, conheça o seu público, saiba qual é a dor dele e onde ele está. Depois, decida os canais de comunicação e as plataformas digitais (LinkedIn, Facebook, Instagram, Twitter, Youtube, Pinterest, etc.) e invista tempo, trabalhando diariamente – seja com uma equipe interna ou com a ajuda de um parceiro estratégico. Isso é fundamental.

  • O caminho começa com SEO, MUITA pesquisa e anúncios focados!

Definidos os canais da estratégia, o público, os temas, ainda têm a questão dos sites, os anúncios (Ads), ferramentas de monitoramento e controle de informações que chegam a assustar muita gente do mercado. Mas é importante ter essa visão acurada do negócio, bem como objetivos para entender os principais caminhos.

Toda comunicação deve partir dessa visão e estar em sinergia com ela.

Possuir uma comunicação multiplataforma parece algo muito complexo, mas não é. Só precisa de estratégia, foco e principalmente lembrar que cada lugar tem o seu público e o seu objetivo.

Tem um passo a passo que eu gosto de aplicar quando vamos traçar uma estratégia para um cliente. Ele começa por entender:

  1. Persona: já sabe quem é a sua persona? O que faz para falar com ela? Lembre-se nem sempre a persona deve ser baseada no seu cliente atual, afinal com algumas mudanças você pode mirar em clientes mais rentáveis do que os atuais.
  2. Busca: o foco é como o seu cliente está procurando a sua solução. Ele pode não saber da sua existência, não queira que ele te encontre só pelo seu nome. Depois disso pense em quem são os concorrentes e como eles estão se comunicando.
  3. Site: sua empresa tem um? Ele é bem estrutura com trabalho de SEO? Lembre-se todo site tem dois clientes: O seu cliente final e os buscadores.
  4. Redes sociais: possui? Quais são as mais trabalhadas? Quais fazem mais sentido para o seu negócio? Existe uma equipe para a mantém atualizada? Com que frequência?
  5. Blog: Tem um? Produz conteúdo? Trabalha SEO? Qual é a frequência de atualização?
  6. Anúncios: Já fez ou faz? Qual é o objetivo das campanhas? E o investimento?

Ao entender qual mídia é forte para o seu negócio, apostar nela com um conteúdo bom e relevante, investimentos em links patrocinados, impulsionamento e atualização frequente, os resultados que aparecerão no monitoramento e na mensuração serão surpreendentes.

A referência de um plano de comunicação

Agora que você já sabe alguns passos elementares para montar um plano de comunicação e ele não deve ficar no papel. Ele precisa ser seguido, ok? Mesmo não sendo escritos em pedra, eles são mutáveis e devem seguir como referência enquanto a equipe coloca a mão na massa para trazer ainda mais interação e engajamento.

Esqueça as métricas de vaidade e as fórmulas mágicas de sucesso! Marketing digital é foco no cliente, planejamento, muito estudo, tentativa e erro, teste A/B, mensuração de resultados e deve ser trabalhado dia a dia. Vamos começar?

Envie seu comentário